Cultura

Exemplos de employer branding para o inspirar a conseguir o melhor talento

2 exemplos de employer branding para o inspirar a conseguir o melhor talento

Já aqui dissemos que as empresas estão hoje mais focadas do que nunca no employer branding. Num artigo recentemente publicado, a Fast Company explicava que a procura de trabalho é cada vez mais parecida com o processo de tomada de decisão de compra, o que obriga as empresas não só a comunicar os seus produtos como também as suas culturas organizacionais.

Um estudo da Carrerealism revela inclusive que 80% das pessoas que procuram um trabalho investigam primeiro a empresa antes de enviarem sequer uma candidatura. E quando não encontram informação suficiente (ou convincente), simplesmente passam para outra.

Não temos dúvidas: mostrar orgulho na sua cultura organizacional e nos seus colaboradores revela como está disposto a valorizar, também, o trabalho de um novo colaborador. Se ainda não se aventurou no mundo do employer branding, reunimos alguns exemplos para o inspirar.

L’Oréal

Se é um assíduo frequentador do LinkedIn é impossível que ainda não se tenha deparado com a L’Oréal. A empresa de cosmética e beleza é talvez uma das companhias em todo o mundo que neste momento melhor trabalha o seu employer branding. E não, não basta mencionar o nome da marca, que como todos sabemos tem força por si só. Estamos a falar da capacidade de criar a melhor força de embaixadores do mundo – a sua equipa de colaboradores.

Tudo começou com a entrada da empresa em novos mercados e com a necessidade de atrair talento de topo. Atualmente, a comunicação da marca em redes sociais como o LinkedIn tenta, sobretudo, mostrar porque é que trabalhar na L’Oréal pode ser uma experiência de sonho e inspiradora e, acima de tudo, uma escola para a excelência.

Veja pelos seus próprios olhos

Mas não é só! Em 2016, a companhia criou uma app que funciona como uma espécie de ‘coach’ pessoal para cada um dos seus novos colaboradores. Com o objetivo de ajudar aqueles que chegam pela primeira vez a ‘mergulhar’ na cultura da L’Oréal, a app da empresa oferece conteúdos sobre empreendedorismo, agilidade e cooperação, fotos, vídeos e testemunhos de outros colaboradores e jogos e questionários que permitem ganhar pontos e avaliar o quão envolvido está o novo colaborador na cultura da empresa.

Já lhe mostrámos o quanto adoramos a estratégia de employer branding da L’Oréal? Não? Esta app conta ainda com vários níveis de progressão. Isto quer dizer que à medida que um novo colaborador vai ficando mais envolvido na cultura da empresa tem acesso a conteúdos ‘secretos’: histórias e mitos sobre a empresa que apenas os seus colaboradores sabem. Uma boa ideia, não acha?

UPS

Temos a certeza que já viu este vídeo da UPS. Na altura do Natal foi partilhado milhões de vezes em praticamente todas as redes sociais. O conceito é simples: um condutor da UPS tem um tremendo impacto na vida de uma criança, mas não sabe. A mensagem? Mais simples ainda, mas eficaz. Mostrar o lado humano da empresa e a importância da sua equipa de entregas na construção da imagem de confiança associada à empresa.

Se está decidido a tornar o seu marketing interno numa vantagem competitiva, mas não sabe bem como começar, a IFE – International Faculty for Executives desenvolveu uma formação que pretende ajudar os profissionais de Recursos Humanos a aplicar as técnicas do marketing para desenvolver a sua cultura organizacional.